Segurança Pública apresenta mulher presa com 12 kg de maconha em AL

Ex-estudante de direito, Vagna Ferreira já havia sido presa em 2015. Outros dois homens foram presos também suspeitos de tráfico de drogas.

Integrantes da Segurança Pública de Alagoas (SSP) apresentaram, na tarde desta quarta-feira (21), uma mulher que foi presa com 12 quilos de maconha. Vagna Ferreira de Carvalho, que é ex-estudante de direito, havia sido presa também por tráfico de drogas em 2015.

Desta vez, além de Vagna Carvalho a polícia prendeu Wadson dos Santos Ferreira e Paulo Silas, que seguiam para casa da suspeita segundo a polícia para comprar drogas.

“O Paulo estava em uma Kombi com R$ 2.341 e Wadson estava em uma moto com R$ 3.210. Eles iriam comprar drogas com a Vagna”, disse o delegado Gustavo Henrique Barros.

As prisões aconteceram na segunda-feira (19), mas as informações só foram divulgadas hoje, durante coletiva de imprensa na SSP.

Segundo os investigadores, a maconha estava na casa da suspeita, que fica no bairrro de Fernão Velho, na periferia de Maceió. No local também foi achado uma pistola com munições.

Ainda segundo o delegado Gustavo Henrique, a droga apreendida é do marido de Vagna, um homem identificado como Valdenise Caetano dos Santos, vulgo Mimi, que está no sistema prisional. “Isso mostra que o vínculo entre eles continua e que as pessoas que estão foram recebem ordens de dentro do presídio”, falou o delegado.

Além da droga, a polícia encontrou R$ 9.351 com a Vagna. “Ela tentou subornar os policiais na hora da prisão, ela ofereceu R$ 20 mil, um terreno em Arapiraca e uma pistola”, disse o delegado.

g1

22/12/2016

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *