Obras dos eixos viários ganham vida em Maceió; Cepa bem avançado

Trecho de estrada que corta o Hospital Portugal Ramalho foi pavimentado

Trecho do Eixo Viário do Cepa ganha asfalto e maceioense pode sonhar com trânsito desafogado na Fernandes Lima
Fotos: Thiago Sampaio

O Governo de Alagoas trabalha em obras de mobilidade urbana visando minimizar os congestionamentos no principal corredor viário de Maceió, a Avenida Fernandes Lima, no Farol. As obras de implantação dos eixos viários Cepa e Quartel seguem em ritmo acelerado. Nesta segunda (12), a equipe técnica da Secretaria de Estado do Transporte e Desenvolvimento Urbano (Setrand), responsável pela obra, realizou a pavimentação do trecho de estrada que corta o Hospital Portugal Ramalho.

Neste primeiro momento, cerca de 160 metros de cumprimento da nova rua que cortará a instituição de saúde serão pavimentados. Este trecho de estrada irá se conectar a outras ruas no entorno, compondo o Eixo Viário do Cepa, que servirá de alternativa viária à Fernandes Lima, começando no Ibama e terminando na ladeira do Teobaldo, na Cambona.

O secretário executivo de Transporte e Desenvolvimento Urbano, Alcides Tenório, explica que as intervenções feitas pelas obras não afetam a segurança da população.

“Estamos iniciando a pavimentação da rua que cortará o Hospital Portugal Ramalho. A intervenção na instituição ocorre após um acordo os representantes da instituição e a Setrand. É interessante ressaltar que a intervenção feita no centro de saúde, assim como a feita no Cepa, não oferece risco ao frequentadores e pacientes da unidade de saúde”, ressalta Alcides.

No Centro Educacional e de Pesquisas Aplicadas, o Cepa, os serviços estão direcionados para a construção do túnel de passagem subterrânea para pedestres.

Já no Eixo Quartel, a equipe técnica da Setrand executa as formas para construção de outra passagem subterrânea, conforme solicitado pelos militares, para acesso dos oficiais a área externa de treinamento.

Trajetos 

O Eixo Cepa terá nove quilômetros de extensão, tendo início no Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), na Gruta de Lourdes, estendendo-se até as ruas Frei Caneca e Luiz de Mascarenhas, no Farol, próximo à ladeira Teobaldo Barbosa.

Já o Eixo Quartel terá cerca de seis quilômetros de cumprimento, com início na Rua Marieta Lages, no bairro do Farol, próximo a Super Pizza, estendendo-se até a Rua Ranildo Cavalcante, na Gruta, por trás do Hospital do Açúcar, tornando-se uma nova alternativa de circulação viária no sentido Sul/Norte e Leste da região Metropolitana de Maceió.

Os dois eixos terão o formato de binários – duas vias paralelas, de mão única e sentido contrário – e irão servir como vias de escoamento do trânsito para a otimização do tráfego na área, permitindo com que a população possa escolher qualquer um deles para se conectar com as partes baixa e alta da cidade.

Texto de Thiago Tarelli-Ascom/AL

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *