Maceió implanta novo modelo de ponto de ônibus

Novo_modelo_abrigo_ponto_de_onibus_Serraria-3-1024x768
Estrutura conta com mais proteção para os passageiros

A Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) inaugurou novos modelos de pontos de ônibus. Os três novos abrigos ficam no bairro da Serraria e oferecem mais conforto aos usuários do transporte público.

Os novos modelos possuem maior área de cobertura, abrigando mais passageiros, e em cada uma das estruturas há um espaço específico para pessoas com deficiência. Além de mais comodidade, o novo modelo possui um mapa informativo das linhas que passam no ponto e um visual mais leve.

“Esse novo modelo de abrigo possui proteção lateral contra a chuva e telha termoacústica, que impede a passagem do calor do sol para o abrigo, propiciando mais conforto aos passageiros”, detalha a coordenadora de Projetos de Transportes da SMTT, Carla Mendes.

Novo_modelo_abrigo_ponto_de_onibus_Serraria-1-768x1024
Mapa das linhas que fazem o embarque e o desembarque no ponto

Ainda segundo Carla, o edital da licitação prevê que o novo modelo de abrigo seja desenvolvido pelas empresas ganhadoras desse processo licitatório. “O planejamento da SMTT está trabalhando para que os pontos de ônibus das principais vias de Maceió passem a contar com uma nova estrutura”, apontou.

Os três novos abrigos foram colocados em frente a um recém-construído edifício empresarial da Construtora Humberto Lôbo, que auxiliou o órgão na implantação do novo modelo de estrutura.

Novos abrigos

Entre as melhorias executadas pela SMTT em março deste ano, destaca-se a instalação de um abrigo metálico maior em frente ao Centro de Estudos e Pesquisas Aplicadas (Cepa), no Farol. “Esse abrigo é bem mais espaçoso que o anterior e deverá atender melhor o grande quantitativo de pessoas que embarcam e desembarcam ali”, frisou Carla Mendes.

O órgão também vem realizando frequentes limpezas dos abrigos, retirada de papéis adesivos e manutenção dos abrigos metálicos em bairros como Mangabeiras, Gruta de Lourdes, Centro, Tabuleiro do Martins e Ponta Verde. “Fizemos também um estudo preliminar e uma visita de campo em outros locais da cidade para verificar a situação dos pontos de parada de ônibus e assim realizarmos algum trabalho específico de recuperação”, contou Carla.

Leonardo Araújo – Ascom SMTT