Estado vai distribuir 10 mil mudas de café para agricultores familiares

Variedade Conilon será implantada no Litoral Norte do Estado

26b90ed750a66fcf594486f0628c1fa0_L
Seagri quer disseminar cultura do café em Alagoas. Foto: Divulgação

A Secretaria de Estado da Agricultura, Pecuária, Pesca e Aquicultura oficializou, nesta segunda-feira (23), um convênio com a Secretaria de Agricultura de Minas Gerais para a aquisição de 10 mil mudas de café Conilon. O secretário da Agricultura de Alagoas, Alvaro Vasconcelos, disse que a novidade segue uma das maiores prioridades do governador Renan Filho que é a de buscar diversificar a agricultura em todo o Estado.

“A orientação do governador Renan Filho é para que nós busquemos diversificar a agricultura do nosso Estado, e o café Conilon, nesta região do Litoral Norte, deve se adaptar muito bem. No passado, já foram feitos testes na região e ele produziu bem, mas não houve continuidade por causa da cana-de-açúcar que se tornou algo bem mais rentável”, disse o secretário.

O primeiro lote de mudas de café Conilon será destinado ao Litoral Norte do Estado, onde ele se adapta melhor. A princípio, segundo o secretário Alvaro Vasconcelos, as 10 mil mudas serão entregues a assentamentos de pequenos agricultores familiares.

“Os assentamentos de São Luiz do Quitunde e Flexeiras, liderados pela Via do Trabalho, solicitaram essas mudas de café. Pra isso, eu viajei a semana passada a São Paulo e Minas; e lá em Minas consegui a muda de café Conilon. Já conversei com o secretário da Agricultura de Minas Gerais, João Cruz, que me garantiu essas mudas”, afirmou o secretário Alvaro Vasconcelos.

Caso tudo dê certo, a meta da secretaria é poder levar o cultivo do café para mais regiões do Estado, implantando, se necessário, outras variedades.

“Se houver demanda, poderemos implantar o café Arábica em outras regiões do Estado como Viçosa e Mar Vermelho que possuem um clima adequado a essa variedade”, finalizou o secretário alagoano.

André Risco – Agência Alagoas